Loja de Instrumentos Musicais
Pedaleiras Digitais: 5 Bons Motivos Para Você Investir Numa

Pedaleiras Digitais: 5 Bons Motivos Para Você Investir Numa

O uso de pedaleiras e racks digitais por vezes gera polêmica na comunidade guitarrística. Os defensores alegam praticidade em ter todos os efeitos num mesmo equipamento. Em compensação, há quem alegue que a qualidade dos equipamentos analógicos ainda está à frente, não abrindo mão de seus pedais individuais e amplificadores valvulados. 

De fato, houve uma época em que a qualidade dos timbres digitais deixava a desejar num comparativo com amplificadores e pedais reais. Entretanto, a tecnologia dos multiefeitos melhorou muito nos últimos anos e permite obter sons incríveis, que numa gravação profissional, fica difícil distinguir se é um equipamento digital ou analógico. Pensando nisso, preparamos este post, no qual explicamos 5 bons motivos para você investir numa pedaleira. Se você ainda está em dúvida se precisa de uma, leia este post até o final!

1 - Praticidade

Como mencionamos no início deste texto, a praticidade é um dos fatores determinantes para quem escolhe uma pedaleira. Pense que com alguns ajustes, é possível ter seus efeitos favoritos e simulação de amplificador tudo num pequeno multiefeitos. Em alguns casos, como a Mooer GE-150, é possível ter até as simulações de gabinete e Impulse Response - tecnologia recente que permite colocar para dentro da pedaleira o som do seu altofalante favorito.

2 - Qualidade de Timbres

Foi-se o tempo em que pedaleira digital era sinônimo de timbres ruins. As empresas investiram tempo e dinheiro para aprimorar a experiência de um músico ao simular um amplificador clássico ou de um pedal conhecido. Em sites como o YouTube, é possível encontrar muitos vídeos que demonstram a qualidade de timbres de simuladores que acompanham as pedaleiras mais modernas,

3 - Possibilidade de Gravar em Linha

Grande parte dos músicos atualmente consegue fazer gravações em casa, direto nos computadores. Mesmo que você não tenha um homestudio, é bem possível conseguir timbres matadores com uma pedaleira ligada em linha direto no seu software de gravação, a famosa DAW. Isso porque modelos como a Boss GT-1 já servem como interfaces de áudio. Como dizem no ditado, é uma mão na roda.

4 - Economia

Amplificadores costumam ser caros. Se forem valvulados, então, são mais ainda. Um set de pedais analógicos pode custar mais do que aquela guitarra dos sonhos. Imagine ter tudo isso dentro de uma pedaleira digital com um resultado excelente. É claro que existem modelos completos que custam um pouco mais caro, mas permitem obter uma gama tão grande de sons e recursos que mesmo assim, são excelentes na relação custo-beneficio. A Mooer GE-250 é um bom exemplo.

5 - Timbres Infinitos 

As pedaleiras atuais vêm com centenas de efeitos e combinações de fábrica, mas muitas delas também permitem que o próprio músico crie seus timbres, usando regulagens, ordem de pedais, tipos de microfonação, número de falantes, posicionamento de microfone e uma série de possibilidades, que o número de sons beira o infinito, bem como a criatividade de usar esses timbres. Com uma boa pedaleira, é bem provável que o guitarrista não tenha a necessidade de investir em novos pedais por um bom tempo.



Clique para Ligar
Fale por WhatsApp